Amamentação: 7 Dicas importantes

amamentacao_duvidas_respostas

Amamentação: 7 dicas importantes

 

Há diversas dúvidas que rondam nossas cabeças com relação a amamentação, tais como: o que não devo comer por causa da amamentação? Quanto tempo devo amamentar meu bebê? Como saber se meu bebê ainda não estará com fome?

Essas são algumas dúvidas, especialmente para mães e pais de primeira viagem, e para te ajudar nesse lindo momento de conexão, vamos responder as 7 maiores dúvidas sobre amamentação. É importante ressaltar que sempre devem ser seguidas as recomendações médicas.

Começando pela dúvida mais frequente:

1.      Quais alimentos devem ser evitados no período de amamentação?

Durante a gravidez, também há restrição a certos alimentos que não podemos comer, e após o nascimento do bebê vem a dúvida: O que não devo comer? Serão as mesmas restrições ou que muda?

A princípio, não existe restrição alimentar para as mães durante a amamentação, mas é importante manter uma dieta equilibrada, pois o bebê irá sugar todos os nutrientes da mãe.

Caso haja alguma reação do bebê, como cólicas ou insônia, podem ser consequência da amamentação, pois ele pode ter alergia ou até mesmo sensibilidade por algum elemento que a mãe tenha comido.

Tente não ingerir alimentos gorduroso como carne de porco, leite de vaca e frituras no geral, mas relate as reações do bebê para seu médico e investiguem a causa antes de cortar todos esses alimentos.

2.      Qual deve ser o intervalo de tempo entre uma mamada e outra?

Essa pergunta não possui uma resposta correta, pois varia de bebê para bebê. Atualmente muitas mamães praticam a “livre demanda”, que consiste em não ter regras e horários e entender as necessidades de cada bebê.

Alguns sinais que seu bebê ainda pode estar com fome:

  • Colocar as mãos na boca
  • Fazer movimentos de sucção
  • Quando ele estiver no seu colo e ficar procurando o peito, seja com as mãos ou com a boca
  • Chorar

3.      Como saber se amamentei por tempo suficiente?

Durante as consultas pediátricas, acompanhe o ganho de peso do seu bebê. Se ele estiver emagrecendo, pode ser que você não esteja amamentando o suficiente.

Além disso, verifique os sinais que ele dará depois de mamar, pois deve estar tranquilo e relaxado.

4.      Quantos meses devo manter a amamentação?

A Unicef – Fundo das Nações Unidas para a Infância recomenda que após completar seis meses devem ser introduzidos outros alimentos nas refeições dos bebês, mas mesmo assim, o leite materno deve ser mantido idealmente até os dois anos, pois ele garante a prevenção de diversas doenças.

Antes de 6 meses é indicado o aleitamento integral, sem oferecer água ou chás, somente o leite materno (na maioria das vezes) é o suficiente para alimentar o bebê e suprir todas as suas necessidades neste período. Porém é importante acompanhamento do pediatra durante este processo :)

Caso você volte a trabalhar nesse período, é possível coletar seu leite e pedir para que deem ao bebê na sua ausência.

5.      Amamentar dói?

Algumas mulheres relatam muita dor ao amamentar, isso porque seus mamilos ficam rachados quando o bebê não consegue sugar o leite corretamente.  A amamentação será indolor se o bebê não sugar apenas o bico do peito, que é a parte mais sensível, mas sim a região areolar, em que ficam os bolsões de leite. O bebê deve espremer essa região para que o leite seja liberado e não haja desconforto.

DICA IMPORTANTE: Caso esteja tendo dificuldades em amamentar (e muitas mães tem, é muito mais comum do que imaginamos), há bancos de leite e consultorias em aleitamento materno que ajudam as mamães neste período. A realidade é que a amamentação é para a maioria das mães um aprendizado. Então não hesite em buscar ajuda quando sentir que seja necessário! Informe-se sobre os programas de apoio ao aleitamento materno perto de você!

6.      Posso fazer regime para voltar ao meu peso normal durante o período de amamentação?

Na amamentação o bebê estará sugando diversos nutrientes do corpo da mãe, e para isso, é importante que seja mantida uma dieta saudável, e qualquer alteração deve ser comunicada ao médico.

Se deseja reduzir seu peso, e apenas a alimentação não está resolvendo, entre 30 a 40 dias após o nascimento do bebê será possível começar a caminhar diariamente. Lembre-se: sempre com acompanhamento médico.

7.      Se eu tiver prótese de silicone irá prejudicar o aleitamento materno?

Algumas mulheres optam por colocar a prótese de silicone apenas após serem mães, por medo que prejudique a amamentação, mas no geral, elas não interferem.

Durante a cirurgia, as próteses mamárias podem ser colocadas de duas formas: atrás do músculo peitoral ou abaixo das glândulas mamárias e devido a posição do silicone, a produção de leite não é influenciada.

Porém, se o tecido mamário sofrer lesões, seja colocando uma prótese muito grande ou realizando a cirurgia de redução de seios, é possível haver alterações, mas no geral, se a cirurgia for feita com um bom profissional e não houver complicações, a amamentação ocorrerá normalmente.

 

Continue acompanhando nosso blog! Sempre postamos novas dicas de maternidade para ajudar a sanar todas as suas dúvidas nesse momento tão especial.

O bebê já está chegando e ainda não comprou as lembrancinhas de maternidade?

Clique AQUI e veja as lindas opções que temos para marcar o nascimento do seu bebê com uma lembrancinha única e personalizada.

lembrancinha_cavalinho_porta_joias_porcelana_tag_metal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *